Logística na Black Friday: saiba como preparar sua empresa

Supporte Logística | 20 de novembro de 2018 |

Mais uma edição da tão esperada Black Friday está chegando. Consumidores e empresas aguardam ansiosamente esse dia que, segundo a Ebit, rendeu R$ 2,6 bilhões aos e-commerces em 2018. Isso acontece porque muitos brasileiros aproveitam a data para conseguir as melhores condições e preços para comprar itens de desejo, como celulares, notebooks ou até mesmo os presentes da Natal para amigos e parentes.

Você, como dono de um negócio, não pode deixar a oportunidade escapar. Mas, antes de sair “inventando moda” na Black Friday, é preciso conhecer muito bem quem é o seu público e o cenário dessa sazonalidade. E mais: conquistando o seu cliente com uma experiência agradável, você garantirá bons lucros durante todo o ano, não só na Black Friday.

Nesta altura do campeonato, você já deve ter planejado quais produtos terão descontos e a porcentagem em cada um, não é mesmo? Mas se você quer ir além de vender muito na data, é necessário fidelizar seus clientes proporcionando uma experiência de compra positiva. E nós, como especialistas em soluções logísticas, levantamos algumas dicas importantes para você. Confira!

1. Analise o potencial de venda dos produtos

Você já parou para ver quais produtos do seu portfólio mais vendem e quais possuem mais potencial de lucro? Se ainda não, é hora de resgatar o histórico de vendas da sua empresa. Além dessas informações ajudarem no planejamento de descontos, elas impactarão também no estoque e armazenagem dos produtos.

2. Prepare seu estoque

Imagine só que frustrante seria ter muitas pessoas querendo um determinado produto de sua loja, mas, por falta de planejamento, ele já acabou. Pense em quantas oportunidades de lucrar você perdeu por pular um passo que pode parecer “pequeno”. É por isso que nós estamos aqui!

Como a velocidade de vendas é alta na Black Friday, sugerimos que faça um levantamento de todos os produtos que você já tem em estoque e suas quantidades. Em seguida, envie o inventário para o setor de compras junto com o planejamento da Black Friday. Assim ele saberá exatamente o que precisa ser reposto e o prazo para isso.

E lembre-se: para ter sucesso na Black Friday, você não pode simplesmente ignorar esse passo, já que graças a ele será possível minimizar a sobra e falta de produtos.

3. Cheque sua infraestrutura

Quando falamos de infraestrutura, não estamos nos referindo apenas a uma loja física, mas também ao ambiente virtual, caso o seu negócio esteja em um marketplace ou e-commerce.

Loja física

Quando a Black Friday começar, sua loja precisa estar devidamente sinalizada com os descontos e preços. Capriche na escolha dos itens de vitrine, afinal ela é o convite de entrada para a sua loja.

Mas de nada adianta ter uma loja extremamente sinalizada se o consumidor não se sentir confortável. Cheque se o ar-condicionado está funcionando perfeitamente e se ele suportará o aumento no fluxo de pessoas no local. Caso trabalhe com roupas e acessórios, também recomendamos que adicione mais espelhos, bancos e, se necessário, alguns provadores.

E-commerce

Como vimos no infográfico acima, muitas pessoas esperam encontrar boas oportunidades de negócio em lojas virtuais. Se o seu negócio estiver em um ambiente digital, não se esqueça de verificar com a área de TI se o site está preparado para receber muitos acessos ao mesmo tempo. Esse cuidado garantirá que a plataforma funcione 24 horas por dia.

Além de se preocupar com o servidor, é interessante analisar a usabilidade do seu e-commerce. Ele está intuitivo, lógico e funcionando perfeitamente em todas as etapas? Ao verificar com calma e olhar clínico, é possível encontrar pontos de melhoria que farão muita diferença.

Logística na Black Friday e-commerce

Marketplace

Todo cuidado é pouco, então entre em contato com o departamento responsável pela TI do marketplace onde seus produtos estarão disponíveis alguns dias antes da Black Friday e confirme se a plataforma estará em perfeitas condições para receber muitos acessos. Com o ok deles, será um item a menos para você se preocupar.

Estoque (virtual e físico)

Não importa se você tem loja física, e-commerce ou os dois. A infraestrutura do seu estoque precisa estar adequada a demanda proporcionada pela sazonalidade. Então confira se as docas de recebimento, containers e pallets estão em bom estado. No caso dos equipamentos de transporte interno, como as empilhadeiras, faça uma manutenção preventiva.

4. Treine sua equipe

Um evento do porte da Black Friday exige atenções especiais. Tenha a certeza de que toda a equipe esteja alinhada com todos os produtos comercializados e as promoções. Para isso, prepare um treinamento específico para a data. Se sua loja for online, passe todos os direcionamentos da promoção para a Central de Atendimento e revise os processos de troca, devolutivas, informações de pagamento, etc.

Antes de planejar as escalas, veja quais são os horários de pico na loja para que ninguém precise esperar muito tempo para ser atendido, evitando que você perca vendas por causa disso.

E não se esqueça de que os colaboradores também precisam ficar à vontade nessa data mais agitada. Monte em um canto interno da loja um espaço com biscoitos, água e café. O agrado com certeza amenizará as horas em pé e também o impacto na voz.

5. Frete grátis também é uma opção

Você sabia que em 2017 a média de abandono de carrinho esteve em 80%? Um dos principais motivos disso é o valor do frete, porque em alguns casos fica tão alto que acaba não compensando a promoção. Caso esteja pensando no frete grátis, verifique a viabilidade. Mas atenção: coloque tudo na ponta do lápis. Se não for bom negócio para a sua empresa, não abra mão da margem do seu lucro.

Sugestões de condições para frete grátis:

Frete grátis por valor de compra:

Frete grátis na Black Friday por valor de compra

Frete grátis por região de entrega:

Black Friday: Frete Grátis para SP

Frete grátis por unidade:
Frete grátis por unidade na Black Friday

Frete grátis por horário de compra:
Frete grátis na Black Friday por horário de compra

A condição de horário de compra é excelente porque você estará conduzindo o momento de pico da sua loja, além de atrair mais clientes.

6. Separação de pedidos

Com o aumento significativo de vendas na Black Friday, é importante otimizar a logística interna do armazém para que a separação de pedidos seja feita de forma rápida e eficiente. Aí vão algumas dicas:

  • organize o estoque de acordo com sua demanda;
  • utilize sistemas de localização de itens;
  • escolha um bom sistema de picking (separação por radiofrequência, esteira, voz ou um sistema mobile);
  • treine todos seus operadores;
  • melhore o layout do seu armazém;
  • defina KPIs;
  • acompanhe os relatórios.

Utilizadas da fabricação até a entrega ao cliente final, tecnologias como inteligência artificial e blockchain podem transformar sua empresa em um negócio muito mais lucrativo. Conheça as vantagens:

  • controle dos processos;
  • indicadores em tempo real;
  • monitoramento de produtividade;
  • integração entre sistemas;
  • redução nas devoluções;
  • eficiência nos processos;
  • relatórios automatizados.

Viu só como preparar sua empresa para a Black Friday não é nada fácil? Por isso, sugerimos que você inicie os preparativos com seis meses de antecedência ou até antes. Mas, caso tenha pouco tempo ou queira focar nas vendas, entre em contato com a Supporte. Nós cuidamos da operação do seu e-commerce, transporte, distribuição e também do armazenamento. Como se tudo isso já não fosse bom, também contamos com um CRM qualificado para ajudar você com o que precisar. Gostou do que leu? Então clique e solicite um orçamento do Full Commerce!